Art in the age of machine intelligence | Refik Anadol

509,558 views

2020-08-19・ 15333    349


Visit http://TED.com to get our entire library of TED Talks, transcripts, translations, personalized talk recommendations and more. What does it look like inside the mind of a machine? Inspired by the architectural vision of a futuristic Los Angeles in "Blade Runner," media artist Refik Anadol melds art with artificial intelligence in his studio's collaborations with architects, data scientists, neuroscientists, musicians and more. Witness otherworldly installations that might make you rethink the future of tech and creativity. The TED Talks channel features the best talks and performances from the TED Conference, where the world's leading thinkers and doers give the talk of their lives in 18 minutes (or less). Look for talks on Technology, Entertainment and Design -- plus science, business, global issues, the arts and more. You're welcome to link to or embed these videos, forward them to others and share these ideas with people you know. For more information on using TED for commercial purposes (e.g. employee learning, in a film or online course), submit a Media Request here: http://media-requests.TED.com Follow TED on Twitter: http://twitter.com/TEDTalks Like TED on Facebook: http://facebook.com/TED Subscribe to our channel: http://youtube.com/TED

Instruction

Double-click on the English captions to play the video from there.

Tradutor: Jéssica Nóbrega Revisora: Margarida Ferreira
00:12
Hi, I'm Refik. I'm a media artist.
Olá, chamo-me Refik. Sou um artista digital.
00:15
I use data as a pigment
Eu uso dados como um pigmento
00:17
and paint with a thinking brush
e pinto com um pincel pensante
00:19
that is assisted by artificial intelligence.
que é auxiliado por inteligência artificial.
00:23
Using architectural spaces as canvases,
Usando espaços arquitetónicos como telas,
00:25
I collaborate with machines
eu colaboro com máquinas
00:27
to make buildings dream and hallucinate.
para fazer os edifícios sonhar e alucinar.
00:30
You may be wondering, what does all this mean?
Vocês podem estar a perguntar-se o que tudo isto quer dizer.
00:33
So let me please take you into my work and my world.
Então, eu vou apresentar-vos o meu trabalho e o meu mundo.
00:37
I witnessed the power of imagination when I was eight years old,
Eu presenciei o poder da imaginação aos oito anos,
00:41
as a child growing up in Istanbul.
quando vivia em Istambul.
00:43
One day, my mom brought home a videocassette
Um dia, a minha mãe levou para casa uma gravação em vídeo
00:47
of the science-fiction movie "Blade Runner."
do filme de ficção científica "Blade Runner."
00:50
I clearly remember being mesmerized
Lembro-me nitidamente de ter ficado hipnotizado
00:53
by the stunning architectural vision of the future of Los Angeles,
com a visão arquitetónica deslumbrante de Los Angeles do futuro,
00:58
a place that I had never seen before.
um lugar que eu nunca tinha visto.
01:00
That vision became a kind of a staple of my daydreams.
Aquela visão tornou-se uma espécie de base para os meus devaneios.
01:06
When I arrived in LA in 2012
Quando cheguei a Los Angeles em 2012
01:08
for a graduate program in Design Media Arts,
para um programa de pós-graduação em Design Media Arts,
01:11
I rented a car and drove downtown
aluguei um carro e dirigi-me para o centro
01:13
to see that wonderful world of the near future.
para ver aquele mundo maravilhoso de um futuro próximo.
01:17
I remember a specific line
Lembro-me de uma fala em particular
01:19
that kept playing over and over in my head:
que continuava a ouvir repetidamente na minha cabeça:
01:22
the scene when the android Rachael
a cena em que a androide Rachel
01:24
realizes that her memories are actually not hers,
percebe que as suas memórias na realidade não eram dela,
01:28
and when Deckard tells her they are someone else's memories.
e quando Deckard lhe diz que são memórias de outra pessoa.
01:32
Since that moment,
A partir desse momento,
01:34
one of my inspirations has been this question.
uma das minhas inspirações tem sido esta pergunta:
01:37
What can a machine do with someone else's memories?
O que é que uma máquina pode fazer com as memórias de outra pessoa?
01:41
Or, to say that in another way,
Ou, para dizer de outra forma,
01:44
what does it mean to be an AI in the 21st century?
o que significa ser uma IA no século XXI?
01:49
Any android or AI machine
Qualquer androide ou máquina de IA
01:51
is only intelligent as long as we collaborate with it.
só é inteligente se colaborarmos com ela.
01:55
It can construct things
Pode construir coisas
01:56
that human intelligence intends to produce
que a inteligência humana tem a intenção de produzir,
02:00
but does not have the capacity to do so.
mas não tem capacidade de construir.
02:03
Think about your activities and social networks, for example.
Pensem nas vossas atividades diárias e redes sociais, por exemplo.
02:07
They get smarter the more you interact with them.
Quanto mais interagimos com elas, mais inteligentes elas vão ficando.
02:10
If machines can learn or process memories,
Se as máquinas podem aprender ou processar memórias,
02:15
can they also dream?
também podem sonhar?
02:17
Hallucinate?
Alucinar?
02:18
Involuntarily remember,
Recordar involuntariamente,
02:21
or make connections between multiple people's dreams?
ou fazer conexões entre os sonhos de diversas pessoas?
02:25
Does being an AI in the 21st century simply mean not forgetting anything?
Ser uma IA no século XXI significa apenas não esquecer nada?
02:32
And, if so,
E, se assim for,
02:33
isn't it the most revolutionary thing that we have experienced
isso não será a coisa mais revolucionária que experienciamos
02:37
in our centuries-long effort to capture history across media?
na nossa tentativa secular de captar a História através dos "media"?
02:43
In other words,
Por outras palavras,
02:44
how far have we come since Ridley Scott's "Blade Runner"?
quanto é que avançámos desde o "Blade Runner" de Ridley Scott?
02:48
So I established my studio in 2014
Eu estabeleci o meu estúdio em 2014
02:52
and invited architects,
e convidei arquitetos,
02:54
computer and data scientists, neuroscientists,
cientistas da computação e dados, neurocientistas,
02:56
musicians and even storytellers
músicos e até contadores de histórias
02:59
to join me in realizing my dreams.
para se juntarem a mim e me ajudarem a realizar os meus sonhos.
03:03
Can data become a pigment?
Os dados podem transformar-se em pigmentos?
03:05
This was the very first question we asked
Esta foi a primeira pergunta que fizemos
03:08
when starting our journey to embed media arts into architecture,
ao começarmos a nossa jornada
para incluir as artes digitais na arquitetura,
03:13
to collide virtual and physical worlds.
para fazer colidir mundos virtuais e físicos.
03:16
So we began to imagine what I would call the poetics of data.
Começámos a imaginar aquilo a que eu chamaria a poética dos dados.
03:22
One of our first projects, "Virtual Depictions,"
Um dos nossos primeiros projetos, "Virtual Depictions",
03:24
was a public data sculpture piece
foi uma escultura pública de dados
03:26
commissioned by the city of San Francisco.
encomendada pela cidade de São Francisco.
03:29
The work invites the audience
A obra convida o público
03:31
to be part of a spectacular aesthetic experience
a fazer parte de uma experiência estética espetacular
03:35
in a living urban space
num espaço urbano vivo
03:36
by depicting a fluid network of connections of the city itself.
ao retratar uma rede fluida de conexões da própria cidade.
03:42
It also stands as a reminder
Também serve como um lembrete
03:45
of how invisible data from our everyday lives,
de como os dados invisíveis da nossa vida quotidiana,
03:48
like the Twitter feeds that are represented here,
como os "feeds" do Twitter que são representados aqui,
03:51
can be made visible
podem tornar-se visíveis
03:53
and transformed into sensory knowledge that can be experienced collectively.
e transformados em saber sensorial que pode ser experimentado coletivamente.
04:00
In fact, data can only become knowledge when it's experienced,
De facto, os dados só se podem tornar em saber ao serem experienciados
04:05
and what is knowledge and experience can take many forms.
e o saber e a experiência podem assumir muitas formas.
04:09
When exploring such connections
Ao explorar essas conexões
04:11
through the vast potential of machine intelligence,
através do imenso potencial da inteligência de máquinas,
04:15
we also pondered the connection between human senses
também consideramos a conexão entre os sentidos humanos
04:21
and the machines' capacity for simulating nature.
e a capacidade das máquinas de imitar a natureza.
04:24
These inquiries began while working on wind-data paintings.
Essas questões surgiram enquanto lidávamos com pinturas de dados eólicos.
04:29
They took the shape of visualized poems
Eles tomaram a forma de poemas visualizados
04:32
based on hidden data sets that we collected from wind sensors.
com base em conjuntos de dados ocultos que recolhemos nos sensores de vento.
04:37
We then used generative algorithms
Em seguida, usámos algoritmos geradores
04:40
to transform wind speed, gust and direction
para transformar a velocidade, a rajada e a direção do vento
04:44
into an ethereal data pigment.
num pigmento de dados etéreos.
04:48
The result was a meditative yet speculative experience.
O resultado foi uma experiência meditativa e contudo especulativa.
04:53
This kinetic data sculpture, titled "Bosphorus,"
Esta escultura de dados cinéticos, intitulada "Bosphorus",
04:56
was a similar attempt to question our capacity to reimagine
foi uma tentativa semelhante de questionar a nossa capacidade de reimaginar
05:00
natural occurrences.
ocorrências naturais.
05:03
Using high-frequency radar collections of the Marmara Sea,
Usando coleções de radares de alta frequência do mar de Mármara,
05:07
we collected sea-surface data
recolhemos dados da superfície do mar
05:10
and projected its dynamic movement with machine intelligence.
e projetámos o seu movimento dinâmico com a inteligência de máquinas.
05:13
We create a sense of immersion
Criámos uma sensação de imersão
05:15
in a calm yet constantly changing synthetic sea view.
na vista de um mar sintético calmo, mas em constante mudança.
05:21
Seeing with the brain is often called imagination,
O ato de ver com o cérebro chama-se habitualmente imaginação.
05:25
and, for me, imagining architecture
E, para mim, imaginar arquitetura
05:27
goes beyond just glass, metal or concrete,
vai para além do vidro, do metal ou do betão,
05:31
instead experimenting with the furthermost possibilities of immersion
em vez de experimentar com distantes possibilidades de imersão
05:36
and ways of augmenting our perception in built environments.
e com modos de ampliar a perceção que temos em ambientes já construídos.
05:40
Research in artificial intelligence is growing every day,
A investigação na inteligência artificial está a crescer todos os dias,
05:44
leaving us with the feeling of being plugged into a system
deixando-nos com a sensação de estarmos ligados num sistema
05:48
that is bigger and more knowledgeable
que é maior e mais inteligente
05:50
than ourselves.
que nós mesmos.
05:51
In 2017, we discovered an open-source library
Em 2017, descobrimos em Istambul uma biblioteca de código aberto
05:55
of cultural documents in Istanbul
de documentos culturais
05:58
and began working on "Archive Dreaming,"
e começámos a trabalhar no "Archive Dreaming",
06:01
one of the first AI-driven public installations in the world,
uma das primeiras instalações públicas do mundo, baseadas em IA,
06:06
an AI exploring approximately 1.7 million documents that span 270 years.
uma IA que explora cerca de 1,7 milhões de documentos
que abrangem 270 anos.
06:13
One of our inspirations during this process
Uma das nossas inspirações durante este processo
06:16
was a short story called "The Library of Babel"
foi um conto chamado "A Biblioteca de Babel"
06:20
by the Argentine writer Jorge Luis Borges.
do escritor argentino Jorge Luis Borges.
06:23
In the story, the author conceives a universe in the form of a vast library
Nesta história, o autor cria um universo que tem a forma de uma vasta biblioteca
que contém todos os livros de 410 páginas,
06:29
containing all possible 410-page books of a certain format and character set.
com o mesmo formato e o mesmo número de caracteres.
06:35
Through this inspiring image,
Graças a essa imagem inspiradora,
06:36
we imagine a way to physically explore the vast archives of knowledge
pensamos numa forma de explorar fisicamente
os vastos arquivos de conhecimento
06:41
in the age of machine intelligence.
na era da inteligência da máquina.
06:43
The resulting work, as you can see,
O resultado, como podemos ver,
06:45
was a user-driven immersive space.
era um espaço imersivo voltado para o utilizador.
06:48
"Archive Dreaming" profoundly transformed the experience of a library
"Archive Dreaming" mudou profundamente a experiência de uma biblioteca
06:53
in the age of machine intelligence.
na era da inteligência da máquina.
06:56
"Machine Hallucination" is an exploration of time and space
"Machine Hallucination" é uma exploração do tempo e do espaço
07:00
experienced through New York City's public photographic archives.
experimentada graças aos arquivos públicos de fotografia de Nova Iorque.
07:04
For this one-of-a-kind immersive project,
Para este projeto único e imersivo,
07:07
we deployed machine-learning algorithms
implantámos algoritmos de aprendizagem de máquinas
07:10
to find and process over 100 million photographs of the city.
para encontrar e processar mais de 100 milhões de fotos da cidade.
07:15
We designed an innovative narrative system
Projetámos um sistema narrativo inovador
07:18
to use artificial intelligence to predict or to hallucinate new images,
para usar a inteligência artificial para prever ou alucinar novas imagens,
07:24
allowing the viewer to step into a dreamlike fusion
permitindo que o espetador entre numa fusão sonhadora
07:28
of past and future New York.
de Nova Iorque do passado e do futuro.
07:31
As our projects delve deeper
Enquanto os nossos projetos se aprofundam
07:33
into remembering and transmitting knowledge,
em lembrar e transmitir conhecimentos,
07:37
we thought more about how memories were not static recollections
refletimos mais sobre como as memórias não são recordações estáticas,
07:42
but ever-changing interpretations of past events.
mas interpretações de eventos passados que mudam constantemente.
07:46
We pondered how machines
Nós ponderámos como as máquinas
07:48
could simulate unconscious and subconscious events,
podem simular eventos do inconsciente e do subconsciente,
07:52
such as dreaming, remembering and hallucinating.
como sonhar, recordar e alucinar.
07:57
Thus, we created "Melting Memories"
Assim, criámos "Melting Memories"
08:00
to visualize the moment of remembering.
para visualizar o ato de lembrar.
08:03
The inspiration came from a tragic event,
A inspiração veio de um evento trágico,
08:06
when I found out that my uncle was diagnosed with Alzheimer's.
quando descobri que o meu tio tinha sido diagnosticado com Alzheimer.
08:11
At that time, all I could think about
Na época, só conseguia pensar
08:14
was to find a way to celebrate how and what we remember
em como encontrar uma forma de festejar como e o que lembramos
08:19
when we are still able to do so.
quando ainda conseguimos fazê-lo.
08:21
I began to think of memories not as disappearing
Comecei a pensar nas memórias não como algo que desaparece,
08:25
but as melting or changing shape.
mas como algo que derrete ou vai mudando de forma.
08:28
With the help of machine intelligence,
Com a ajuda da inteligência de máquina,
08:30
we worked with the scientists at the Neuroscape Laboratory
trabalhámos com os cientistas do Laboratório Neuroscape
08:33
at the University of California,
na Universidade da Califórnia,
08:35
who showed us how to understand brain signals as memories are made.
que nos mostraram como compreender os sinais cerebrais
à medida que se criam as memórias.
08:41
Although my own uncle was losing the ability to process memories,
Embora o meu tio estivesse a perder a capacidade de processar memórias,
08:46
the artwork generated by EEG data
a arte gerada pelos dados EEG
08:49
explored the materiality of remembering
explorou a materialidade de recordar
08:53
and stood as a tribute to what my uncle had lost.
e ficou como uma homenagem ao que o meu tio havia perdido.
09:00
Almost nothing about contemporary LA
Quase nada sobre Los Angeles contemporâneo
09:03
matched my childhood expectation of the city,
correspondeu às minhas expetativas de infância da cidade,
09:07
with the exception of one amazing building:
com exceção de um edifício incrível:
09:10
the Walt Disney Concert Hall, designed by Frank Gehry,
o Walt Disney Concert Hall [WDCH] projetado por Frank Gehry,
09:13
one of my all-time heroes.
um dos meus maiores heróis.
09:16
In 2018, I had a call from the LA Philharmonic
Em 2018, recebi uma ligação da Filarmónica de Los Angeles
09:19
who was looking for an installation
que estava a procurar uma instalação
09:21
to help mark the celebrated symphony's hundred-year anniversary.
que ajudasse a fazer um grande marco do 100.º aniversário da sua sinfonia.
09:25
For this, we decided to ask the question,
Para isso, decidimos fazer a pergunta:
09:29
"Can a building learn? Can it dream?"
"Um edifício pode aprender? Pode sonhar?"
09:32
To answer this question,
Para responder a esta pergunta
09:33
we decided to collect everything recorded in the archives of the LA Phil and WDCH.
decidimos reunir tudo o que estava registado
nos arquivos da Filarmónica de Los Angeles e do WDCH
09:39
To be precise, 77 terabytes of digitally archived memories.
Para ser mais preciso, 77 terabytes de memórias arquivadas digitalmente.
09:44
By using machine intelligence,
Usando a inteligência de máquina,
09:46
the entire archive, going back 100 years,
todo o arquivo, abrangendo os últimos 100 anos,
09:50
became projections on the building's skin,
passou a ser uma projeção na pele do edifício.
09:53
42 projectors to achieve this futuristic public experience
42 projetores para realizar essa experiência pública futurista
09:57
in the heart of Los Angeles,
no coração de Los Angeles,
09:59
getting one step closer to the LA of "Blade Runner."
ficando um passo mais perto de Los Angeles de "Blade Runner".
10:04
If ever a building could dream,
Se é que um prédio pode sonhar,
10:06
it was in this moment.
foi nesse momento.
10:11
Now, I am inviting you to one last journey into the mind of a machine.
Agora, convido-vos a uma última viagem pela mente de uma máquina.
10:17
Right now, we are fully immersed in the data universe
Neste momento, estamos totalmente imersos no universo dos dados
10:21
of every single curated TED Talk from the past 30 years.
de cada TED Talk com curadoria dos últimos 30 anos.
10:25
That means this data set includes 7,705 talks from the TED stage.
Isso significa que este conjunto de dados inclui 7705 palestras nos palcos TED.
10:33
Those talks have been translated into 7.4 million seconds,
Estas palestras foram traduzidas para 7,4 milhões de segundos,
10:37
and each second is represented here in this data universe.
e cada segundo é representado aqui, neste universo de dados.
10:41
Every image that you are seeing in here
Cada imagem que vemos aqui
10:43
represents unique moments from those talks.
representa momentos únicos dessas palestras.
10:46
By using machine intelligence,
Usando a inteligência de máquina,
10:48
we processed a total of 487,000 sentences
processámos um total de 487 mil frases
10:53
into 330 unique clusters of topics like nature, global emissions,
em 330 grupos de tópicos únicos como a Natureza, as emissões globais,
10:57
extinction, race issues, computation,
a extinção, as questões raciais, a informática,
11:00
trust, emotions, water and refugees.
a confiança, as emoções, a água e os refugiados.
11:04
These clusters are then connected to each other
Estes grupos estão ligados uns aos outros
11:07
by an algorithm,
por um algoritmo,
11:08
[that] generated 113 million line segments,
que gerou 113 milhões de segmentos de reta,
11:12
which reveal new conceptual relationships.
que revelam novas relações conceptuais.
11:15
Wouldn't it be amazing to be able to remember
Não seria incrível conseguir recordar
11:18
all the questions that have ever been asked on the stage?
todas as perguntas que já foram feitas em palco?
11:23
Here I am,
Aqui estou eu,
11:24
inside the mind of countless great thinkers,
dentro da mente de inúmeros grandes pensadores,
11:27
as well as a machine, interacting with various feelings
assim como de uma máquina, interagindo com vários sentimentos
11:31
attributed to learning,
atribuídos à aprendizagem,
11:33
remembering, questioning
às lembranças, às perguntas e à imaginação,
11:36
and imagining all at the same time,
tudo ao mesmo tempo,
11:39
expanding the power of the mind.
expandindo o poder da mente.
11:43
For me, being right here
Para mim, estar exatamente aqui
11:45
is indeed what it means to be an AI in the 21st century.
é de facto o que significa ser uma IA no século XXI.
11:50
It is in our hands, humans,
Está nas nossas mãos, seres humanos,
11:52
to train this mind to learn and remember
treinar esta mente para aprender e lembrar
11:56
what we can only dream of.
o que nós só podemos sonhar.
11:59
Thank you.
Obrigado.
About this site

This site was created for the purpose of learning English through video.

Each video can be played with simultaneous captions in English and your native language.

Double-click on the English captions will play the video from there.

If you have any comments or suggestions, please contact us using this contact form.